Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Sábado, 23.03.13

Governo recua na intenção de instalar as urgências no quartel dos BVC

A ir avante a intenção do GR, as obras no quartel dos BVC custariam 180 mil euros. Com a mudança de planos custarão 50 mil e ainda satisfazem uma vontade popular que era não deslocalizar os serviços.

O Governo Regional recuou na intenção de instalar a título provisório os serviços de urgência e de consultas do Centro de Saúde da Calheta para o quartel dos bombeiros voluntários. Face à onda de insatisfação dos utentes em não querer aceitar a mudança, o secretário regional da tutela não teve outra alternativa senão ter arranjar uma solução na actual unidade de tratamentos de saúde. Além disso, a previsão do custo das obras baixa para 50 mil euros em vez dos 180 mil orçamentados para o quartel.

Uma decisão consubstanciada nas críticas dos utentes da unidade pública, relatadas por uma delegação calhetense, constituída pelo presidente e vice-presidente da Câmara Municipal, Manuel Baeta e Carlos Teles e ainda pelo deputado social-democrata, Agostinho Gouveia que esta manhã deslocaram-se à capital madeirense para dar conta da insatisfação a Francisco Jardim Ramos. À saída os autarcas e o parlamentar não escondiam a sua satisfação por terem conseguido desbloquear o assunto.


por DNoticias.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 12:02


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31




Tags

mais tags