Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Terça-feira, 20.09.11

Artigo de Opinião: Dispositivos de Combate a Incêndios em Portugal e Espanha

Deflagrou no passado dia 18 de Setembro um incêndio florestal junto á localidade de Moimenta , Vinhais.
O incêndio desenvolveu-se em mato rasteiro, com velocidade de progressão médio e intensidade de chama também, média. Ao fim de 2 horas tinham ardido 6 a 7 hectares. Não é nada demais para a descrição de um incêndio, não fosse o caso de haver 2 equipas terrestres de Sapadores, 1 elemento de Comando ou Controlo, 3 helicóptero médios e 2 aviões médios,ou seja 5 meios aéreos.

Já que a Directiva Operacional Nacional que regula o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios, têm como missão assegurar a mobilização, prontidão, empenhamento e gestão dos meios e recursos, tendo em vista garantir um elevado nível de eficiência no combate aos incêndios florestais e desenvolver a resposta imediata e adequada às acções de despacho imediato de meios de ataque inicial (ATI) será que um incêndio em Portugal (daqueles em que arde floresta protegida, zonas de repovoamento, culturas de sustentabilidade, parques naturais, etc ) podia ter tantos meios aéreos???

Podias, mas não era a mesma coisa!

Fonte: http://cbbraganca.blogspot.com/

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 22:59



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2011

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930




Tags

mais tags