Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Quarta-feira, 16.05.12

Paulo Macedo garante transporte não urgente “praticamente gratuito”

O ministro da Saúde garantiu esta quarta-feira que os doentes que precisam de cuidados de saúde prolongados ficam com “o transporte praticamente gratuito”.
Paulo Macedo esclarece que o objectivo do novo regulamento para o transporte não urgente de doentes é garantir que, nos casos de situações clínicas complicadas, mesmo quando os utentes não estão isentos por motivos económicos, o transporte esteja assegurado a baixo custo. “Na prática, o Estado está a disponibilizar uma fatia para uma fatia muito importante das pessoas, aquelas que necessitam por questões clínicas e não apenas por insuficiência económica - porque, repito, essas já estão hoje em dia isentas - o transporte de forma praticamente gratuito”, explicou o ministro.
O Estado passa a suportar, embora não de forma integral, o transporte de utentes com doença oncológica ou que fazem hemodiálise e não estão em situação de insuficiência económica.
Mesmo que necessitem de várias deslocações, os utentes só pagam até um máximo de 30 euros. “São dois euros no caso de transporte ligeiro até ao máximo de 30 euros mensais”, garante o ministro.

Fonte: RRenascença

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 22:55


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2012

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031




Tags

mais tags