Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Quinta-feira, 01.12.11

Guarda: Protecção Civil Teme Complicações nas Estradas Nacionais em Dias de Neve

O coordenador da Protecção Civil da cidade da Guarda disse, esta quarta-feira, temer que, com a introdução de portagens nas duas autoestradas que servem a região, surjam complicações nas estradas nacionais em dias de neve. As vias rodoviárias sob alçada municipal "são muitas" e os meios reduzidos.

Segundo Eduardo Matas, com o pagamento de tarifas nas autoestradas A23 (Guarda/Torres Novas) e A25 (Vilar Formoso/Aveiro), a partir de 8 de Dezembro, "é natural que, principalmente nos primeiros tempos, as pessoas tenham relutância em pagar nas autoestradas e se desviem para as estradas nacionais".

A confirmar-se este cenário, o responsável receia que possam ocorrer situações complicadas em algumas estradas alternativas da região, nomeadamente nas estradas nacionais (EN) 18 (Guarda-Benespera), EN 16 (entre Guarda e limites dos concelhos de Celorico da Beira e Pinhel) e no traçado do antigo IP5, entre Alvendre e Sobral.

"Nos anos anteriores já temos tido dificuldades" na EN 18, entre Guarda e Benespera, por os camiões cisterna terem que efectuar aquele percurso por estarem impedidos de circular nos túneis de Ramela e Barracão da A23, disse à agência Lusa.

Num ponto daquela estrada, conhecido por Alto de Santa Cruz, surgem anualmente complicações em dias de neve, pelo que, com o previsível aumento do tráfego rodoviário, as entidades de protecção civil passam a ter "um cuidado redobrado" naquela zona.

O responsável referiu que as vias rodoviárias sob alçada municipal "são muitas" e os meios reduzidos, vaticinando que, "se houver um forte nevão", a missão do Serviço de Protecção Civil Municipal será "mais trabalhosa, difícil e espinhosa".

Eduardo Matas adiantou que a autarquia dispõe de um pequeno limpa neves com 30 anos, um tractor pesado com uma lâmina e um espalhador de sal adaptado, tractores e várias carrinhas de caixa aberta para actuação na cidade e no concelho.

Os serviços também contam, pontualmente, com a colaboração da Estradas de Portugal, que apenas dispõe de um limpa neves para desobstruir as vias do distrito que estão sob a sua alçada, disse.

Ao nível das autoestradas A23 e A25, o responsável indicou que as empresas concessionárias estão "muito bem apetrechadas" com equipamentos de limpeza de neve.

O diploma publicado na segunda-feira em Diário da República estabelece o pagamento de portagens nas concessões SCUT do Algarve (A22), da Beira Interior (A23), no Interior Norte (A24) e na Beira Litoral e Alta (A25) a partir de 8 de Dezembro.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:05



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2011

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031




Tags

mais tags