Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Sexta-feira, 27.01.12

Mais dois idosos mortos em casa

O corpo de Margarida Santos,
de 83 anos, retirado ontem
à noite da casa onde residia,
em Cascais
Solidão: Casos de isolamento aumentaram em Portugal

António Oliveira, de 92 anos, terá morrido há cerca de uma semana, sentado na sua cama, na rua Arménia nº 41, em Miragaia, Porto. Viúvo há um ano, o homem estaria doente, situação que levou uma vizinha a alertar a assistente social. Estranhando a sua ausência há cerca de duas semanas, a vizinha alertou as autoridades, que, pelas 16h30, entraram na casa de António. Sem encontrar indícios de crime, a PSP descobriu 1650 euros em dinheiro. O corpo foi transportado para o Instituto de Medicina Legal, onde foi confirmado o óbito. A residência de António Oliveira ficou à guarda do seu irmão, residente em Matosinhos.

Horas mais tarde, pelas 19h30, os Bombeiros de Cascais arrombavam a porta do 2º direito do nº 8 da rua Conde Arnosa, encontrando Margarida Santos, de 83 anos, morta. O corpo foi transportado para o Cemitério da Guia ao início da noite.

O número de idosos sós é uma realidade dramática em Portugal. Estimativas da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa apontam para a existência de 400 mil sozinhos, a nível nacional.

Apesar de necessitarem da prestação de cuidados médicos, as duas irmãs encontradas anteontem mortas, em Lisboa, não foram sinalizadas pela Santa Casa da Misericórdia ou pela Junta de Freguesia das Mercês.

"Em Março ou Abril, a senhora que tinha mobilidade foi à junta de freguesia e disse-nos que cuidava da irmã, mas não pediu ajuda", diz Eunice Gonçalves, responsável pela área social.

MP DISPENSA AUTÓPSIAS A IRMÃS MORTAS EM CASAS

O Ministério Público dispensou ontem a realização de autópsias às duas irmãs encontradas mortas em casa, em Lisboa. Segundo o relatório da PSP, "não existem indícios visíveis de crime". Como não tinham família, os corpos de Maria de Jesus Fernandes e Maria Manuela Fernandes ficarão à guarda do Instituto Nacional de Medicina Legal até um período de 30 dias. Caso ninguém os reclame, o caso será comunicado à Câmara de Lisboa, para proceder aos respectivos funerais.

Um dia depois da descoberta dos corpos de Maria de Jesus Fernandes, de 80 anos, e da irmã, Maria Manuela Fernandes, de 74 anos, numa casa da freguesia das Mercês, em Lisboa, as autoridades encontraram mais dois idosos mortos nas suas residências, elevando assim para 12 o número de vítimas conhecidas desde o início do ano – dez das quais em Lisboa.

por Joana Nogueira/João Saramago com A.M./S.T.
fonte: CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 07:43


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031




Tags

mais tags