Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Terça-feira, 26.07.11

A ANPC Determinou a Passagem ao Nível AMARELO do Estado Alerta Especial

A ANPC determinou a passagem ao nível AMARELO do Estado Alerta Especial do SIOPS (Sistema Integrado de Operações de Protecção e Socorro) para o DECIF (Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais) das 14.00 horas, do dia 26 de Julho, até às 21.00 horas, do dia 30 de Julho, para os distritos de Aveiro, Beja, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.
 
De acordo com a informação actualizada e disponibilizada pelo IM para os próximos dias, salienta-se a ausência de precipitação, a temperatura elevada, com subida da máxima (próxima de 35 ºC no interior centro, sul e do Minho) e mínima superior a 20 ºC (próxima de 25 ºC no interior), a humidade relativa do ar reduzida (inferior a 20% na generalidade do território continental), mantendo-se reduzida também durante a noite nas regiões do norte e interior centro, o vento em geral fraco temporariamente moderado (até 35 km/h) de Leste nas regiões do interior norte e centro.
Face ao acima exposto, será expectável o aumento do risco de incêndio (RCM) bem como das ocorrências relacionadas, sendo relevante o acompanhamento dos produtos do IM relativos a incêndios florestais.

Em função da previsão da evolução das condições meteorológicas é expectável:
-Tempo quente e seco com o consequente aumento das condições favoráveis à progressão de eventuais incêndios florestais;
-Calor intenso com o consequente aumento dos efeitos adversos daí decorrentes na saúde pública considerando que se trata de um primeiro acréscimo significativo de temperatura.

A ANPC recorda que, de acordo com as disposições legais em vigor, para os locais onde o índice de risco temporal de incêndio seja superior ao nível ELEVADO, não é permitido(a):
  • Realização de queimadas, nem de fogueiras para recreio ou lazer, ou para confecção de alimentos;
  • Utilização de equipamentos de queima e de combustão destinados à iluminação ou à confecção de alimentos;
  • Queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração;
  • O lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes;
  • Fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias que os circundem;
  • A fumigação ou desinfestação em apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.
A ANPC recomenda a adequação dos comportamentos e atitudes face à situação de perigo de incêndio florestal, nomeadamente com a adopção das necessárias medidas de prevenção e precaução, observando as proibições acima expressas e tomando especial atenção à evolução do perigo de incêndio para os próximos dias, disponível junto dos sítios da internet da ANPC e do Instituto de Meteorologia, junto dos Gabinetes Técnicos Florestais das Câmaras Municipais e dos Corpos de Bombeiros.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 21:47



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2011

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31




Tags

mais tags