Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Domingo, 04.09.11

Ameaças a ‘Helis’ Podem dar Prisão

Os pilotos dos helicópteros de combate a incêndios podem abastecer água em tanques e poços privados, em casos de emergência e na ausência de recursos e infra-estruturas públicas – rios ou barragens. Quem o tentar impedir, usando ou não armas, incorre num crime de desobediência à autoridade pública que dá uma pena até cinco anos de prisão.

A Protecção Civil e a GNR estão apreensivos com o número de casos de cidadãos que, "desconhecendo a lei", ameaçam os pilotos. O último caso ocorreu na segunda-feira, quando, segundo a GNR o presidente da Junta de Moimentinha, Trancoso, ameaçou com uma caçadeira o piloto de um helicóptero. Ao CM, António Gomes confirmou que pediu ao piloto "para ir buscar água a outro lado", mas negou ter-lhe apontado a arma, que estava no local.

Em Castro Daire, Almeida, Viseu e Tondela já aconteceram casos iguais. O ponto quatro do artigo 6º da Lei de Bases da Protecção Civil é muito claro: "A desobediência e a resistência às ordens legítimas das entidades quando praticadas em situação de alerta ou calamidade", são sancionadas nos termos da Lei Penal (crime de desobediência, artigo nº 347) e as respectivas penas são sempre agravadas em um terço. 

fonte: CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 14:59



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2011

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930




Tags

mais tags