Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Quarta-feira, 28.03.12

Um dos incêndios mais graves que assola o país atinge o concelho de Penela

Mais de 300 bombeiros com a ajuda de populares tentam travar chamas que se avistam desde Coimbra. Vários idosos tiveram de ser retirados de um lar para o centro de saúde local.

Veja o video Aqui: http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=540132&tm=8&layout=122&visual=61 

 

Centenas de bombeiros combatem fogo em Penela

Atualizada às 20:30

418 bombeiros apoiados por 119 veículos combatem um incêndio em São João Deserto, Penela, sendo o que destaca mais meios dos vários que lavram ao início da noite.

As chamas, que deflagraram ao início da tarde em florestas do concelho de Penela, Coimbra, levaram já à evacuação de algumas pessoas.

De acordo com fonte dos bombeiros de Penela, citadas pela agência Lusa, vários habitantes de pelo menos quatro povoações de Penela foram retirados das suas casas pelas autoridades.

«Tirámos as pessoas por precaução, porque o fogo estava muito perto», disse à Agência Lusa José Carlos Reis, do serviço municipal de Proteção Civil de Penela. O responsável adiantou que foram retirados habitantes das povoações de Casalinho, Porto da Vila, Carvalhais e Farelo.

De acordo com a fonte, 12 pessoas, na sua maioria idosos e acamados, foram transportados ao Centro de Saúde de Penela e serão acolhidos pela Misericórdia local. Os restantes, em número que não soube precisar, foram acolhidos por familiares.

Um total de 58 idosos foram retirados por precaução de uma unidade de cuidados continuados de saúde situada em Serradas de Freixiosa, Penela, devido ao incêndio que lavra no concelho, disse fonte da proteção civil municipal.

«O fogo ficou longe [da unidade de saúde], mas as pessoas foram retiradas por precaução e correu tudo bem», afirmou à agência Lusa José Carlos Reis, do serviço municipal de Proteção Civil de Penela.

Os utentes foram retirados com o auxílio de diversas ambulâncias e encaminhados para o Centro de Saúde de Penela e para o pavilhão multiusos da vila, onde foi instalado um hospital avançado do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), explicou.

Segundo os dados disponibilizados pela página Internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), o fogo, que eclodiu às 12:30 em São João do Deserto, mantém duas frentes ativas e está a ser combatido por 346 homens, auxiliados por 101 viaturas.

Segundo José Carlos Reis o incêndio mantém-se ativo e «praticamente incontrolável», evoluindo «por força do vento forte» numa zona de floresta com relevo muito acentuado, disse.

Segundo os dados disponibilizados pela página da Internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) o fogo, que deflagrou às 12:30 em São João do Deserto, está a ser combatido por 418 homens, auxiliados por 119 viaturas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 23:17



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031




Tags

mais tags