Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Terça-feira, 27.03.12

Incêndio lavra em zona sensível do Parque Nacional da Peneda-Gerês

(Nelson Garrido)
Um incêndio deflagrou nesta terça-feira ao início da tarde numa zona próxima da Mata da Albergaria, no Parque Nacional da Peneda-Gerês, num local de difícil acesso.
 
"É uma zona extremamente inclinada, com muita pedra e muita serra, onde a movimentação de meios terrestres é muito complicada", disse o comandante Hersílio Campos, do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Braga.

De acordo com a página na Internet da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), o alerta para o incêndio, que lavra em Bouça de Mó, concelho de Terras de Bouro, foi dado às 15h26. No local estão 33 elementos operacionais, apoiados por oito veículos e dois helicópteros.

"Quando o fogo foi detectado já tinha alguma dimensão porque já estaria a lavrar há tempo. O ataque inicial foi prejudicado por isso, mas conhecendo a zona e o risco foi logo pedido um meio aéreo para ajudar a conter as chamas", afirmou o comandante Hersílio Campos.

Segundo a mesma fonte, às 17h estavam em curso 20 incêndios no distrito de Braga. Questionado sobre as eventuais causas para este número elevado de ocorrências, num dia em que se estima que os termómetros cheguem aos 27 graus, o comandante limitou-se a dizer que "não são as condições atmosféricas que fazem os incêndios".

No local estão os Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro, que tiveram de desmobilizar os meios de outro incêndio que estava já em fase de rescaldo para este que lavra no parque nacional.

Fonte do CDOS disse à Lusa que as chamas estão a consumir uma zona sensível constituída por carvalhos seculares, mas o comandante Hersílio Campos disse desconhecer o tipo de vegetação afectada. "É uma zona de parque nacional e por isso toda ela é sensível por esse facto", referiu.

O lugar de Bouça da Mó fica perto da Mata da Albergaria, que está classificada pelo Conselho da Europa como Reserva Biogenética do Continente Europeu. É um dos mais importantes bosques do parque nacional, constituído por um carvalhar secular que inclui espécies características da fauna e da flora do Gerês.

Fonte: Público

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 18:09



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031




Tags

mais tags