Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Domingo, 19.12.10

Aljustrel: Três Estranjeiros Executados em Rio de Moinhos

Três estrangeiros, alegadamente búlgaros, terão sido executados num monte de Rio de Moinhos, Aljustrel. Dois foram encontrados  mortos, junto a uma viatura de uma empresa de Palmela, o outro terá tentado fugir mas também morreu com tiros de caçadeira.


Ambulâncias no local do crime para a recolha dos corpos
 
Tudo aponta para a execução dos três indivíduos - dois homens e uma mulher, com idades entre os 30 e 40 anos -, já que os rostos estavam desfigurados por tiros de caçadeira. O JN não conseguiu confirmar se tinham residência em Pinhal Novo, como chegou a ser referido por fonte policial.
As autoridades não põem de lado a hipótese de que o triplo homicídio possa ter sido um "ajuste de contas", uma vez que aqueles indivíduos e a carrinha nunca tinham sido vistos nas redondezas.
Os cadáveres foram descobertos, ontem, cerca das 11 horas, por António Vilhena, agricultor. Encontrou a mulher e um homem fora da viatura, junto às portas. O outro homem estava mais à frente, junto as umas ruínas; admite-se que terá tentado fugir.
A carrinha junto à qual estavam os mortos pertence à empresa Resisperfil-Gestão e Valorização de Resíduos, sucata com sede em Palmela. Fonte ligada à AMALGA, que possui um aterro perto de Beja, disse "não conhecer tal empresa" e afastou a hipótese de terem feito entrega de resíduos no local. Fonte da PJ disse, ao JN, não haver indicação de que fossem funcionários daquela empresa, embora pessoas que moram junto à empresa tenham dito que costumam ver muito estrangeiros a trabalhar ali.
Um funcionário, disse, ao JN, que o patrão da empresa só falaria do assunto este domingo.
O Monte de Vale D'Égua, desabitado, situa-se perto da Estrada Nacional 261, a 10 quilómetros de Aljustrel e a cerca de três da entrada da A2. Chega-se ao local por uma estrada de terra batida.
O tenente-coronel José Candeias, porta-voz do Comando Territorial de Beja da GNR,  não precisou quanto tempo os corpos estiveram no local e explicou que foi alertada a Polícia Judiciária da Directoria do Sul.
Depois da recolha de provas pela PJ, muito prejudicada pelo mau tempo que se fez sentir na região, os corpos foram levados pelos Bombeiros de Aljustrel para a morgue Hospital de Beja onde amanhã, segunda-feira, serão autopsiados.
A carrinha da Resisperfil foi transportada por um reboque, que face ao estado da estrada de terra batida, acabou por ficar atolado. Um tractor teve que ser chamado a tirar as duas viaturas do local.

foto: Global Imagens
in: JN

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 09:28



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031




Tags

mais tags