Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Terça-feira, 24.07.12

«Fogos devem aligeirar ajustamento da Madeira»

«Já falei com o primeiro-ministro, mas é uma questão que não se discute na praça pública»

 O presidente do Governo Regional da Madeira, Alberto João Jardim, defendeu hoje que o programa de ajustamento à região deveria ser aligeirado devido aos fogos da última semana.

No concelho de Santa Cruz, no decurso de uma deslocação que hoje realiza para se inteirar das consequências dos incêndios, à pergunta se o programa de ajustamento económico e financeiro deveria ser aligeirado, Alberto João Jardim respondeu: «Evidentemente que acho que sim, mas isso é uma questão que não se discute na praça pública».

À questão se já falou com o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, o chefe do executivo insular declarou: «já falei com o primeiro-ministro, mas é uma questão que não se discute na praça pública», reafirmou sem adiantar mais explicações.

Na sequência da dívida pública, na ordem dos seis mil milhões de euros, o governo da Madeira solicitou o ano passado ajuda financeira ao Estado português, que culminou na assinatura do programa a 27 de janeiro último e de um contrato de financiamento de 1500 milhões de euros.

Este programa de assistência determinou, entre outras medidas, o aumento dos impostos na região.

Alberto João Jardim iniciou esta manhã uma visita aos concelhos afetados pelos incêndios.

Acompanhado por outros governantes e autarcas, o governante começou a visita pelo Palheiro Ferreiro, no concelho do Funchal, onde pequenos reacendimentos continuavam a dar trabalho aos bombeiros. Neste local, chegou a ouvir: «houve milagres aqui em cima».

O fogo, que ziguezagueou várias casas, que poupou, varreu terrenos cultivados.

A comitiva seguiu viagem até ao concelho de Santa Cruz onde pelo caminho Alberto joão Jardim pode ver uma paisagem pintada de negro, casas, viaturas e terrenos de cultivo queimados, enquanto trabalhadores procediam à reparação de cabos e à limpeza de estradas.

Em muitas localidades, moradores procediam à remoção de escombros e encetavam trabalhos de reconstrução.

Fonte: TVI24

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 18:51


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  





Tags

mais tags