Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Sábado, 19.11.11

Exercício de prevenção de sismos mantém-se para dia da greve geral

Organizadores esperam que 500 mil pessoas possam aderir e consideram que greve geral até pode ser uma vantagem para o exercício. 

O exercício de prevenção de sismos, agendado para o dia 24 de Novembro, mantém-se apesar de a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) se ter afastado da organização.

A iniciativa está marcada para o mesmo dia da greve geral, o que a Autoridade considera ser prejudicial aos objectivos que se pretendem atingir.

Mesmo assim, o exercício que convida os portugueses a testarem gestos que lhes podem salvar a vida, vai mesmo realizar-se.

A ideia foi lançada em Maio pela ANPC, numa tentativa de trazer para Portugal algo que nos Estados Unidos já acontece todos os anos.

E porque se pensou que a iniciativa até podia ser enquadrada no âmbito do ano Europeu do voluntariado a Autoridade convidou um parceiro, a REDE – Associação Nacional de Voluntariado de Protecção Civil para co-organizar o exercício.

Em Julho as duas entidades escolheram a data, o 24 de Novembro, o mesmo dia para o qual viria mais tarde a ser marcada a greve geral.

Por achar que um exercício de sensibilização de sismos perde eficácia num dia em que a grande maioria dos serviços será afectada – nomeadamente as Escolas, para onde estavam pensadas várias iniciativas, a ANPC tentou antecipar o exercício um dia, o que não conseguiu junto do seu parceiro. A autoridade tutelada pelo Ministério da Administração Interna decidiu então afastar-se e desvincular-se do projecto.

Maria Miguel – vice-presidente da REDE – explica á Renascença porque é que a Associação decidiu mesmo assim manter o exercício no dia 24 e que vantagem adicional até pode ter.

“Decidimos manter a iniciativa uma vez que a divulgação da campanha já estava em locais e ambientes que nós não controlávamos. A iniciativa destina-se a cidadãos e estes já estavam a aderir e a replicar. Por outro lado é simular uma catástrofe com mais este incidente que é haver uma greve geral. Um sismo pode acontecer em qualquer altura, por isso é mais uma variável que poderá ter o seu lado positivo”.

O exercício mantém-se e continua a ter os mesmos moldes. Às 11h15 da manhã do dia 24 de Novembro, todos os portugueses são convidados a executar três gestos simples, que devem fazer em caso de sismo: Baixarem-se, protegerem o corpo – por exemplo debaixo de mesas sólidas – e por fim esperarem que o abalo termine.

A organização espera que 500 mil pessoas o façam na próxima quinta-feira, seja na rua, nos centros comerciais, nas escolas, ou nas empresas.

Fonte: Radio Renascença

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Diário de um Bombeiro às 00:33



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2011

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930




Tags

mais tags