Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Sexta-feira, 23.03.12

(Actualizado) Açores: Criança de dois anos pode estar nos escombros

Derrocada provocou a morte de uma criança de dois anos 
O corpo de uma criança de dois anos foi encontrado pelos bombeiros nos escombros provocados por uma derrocada de terras na freguesia de Santo António, em Ponta Delgada, nos Açores, que soterrou parcialmente a casa onde vivia.
 
A criança, que completaria três anos em Agosto, era filha dos donos da casa e foi encontrada morta entre os escombros às 16:37 (17:37 em Lisboa), revelou à Lusa o presidente do Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros dos Açores.

A criança é a única vítima mortal deste acidente, que terá sido provocado pelo mau tempo que afectou a ilha de S. Miguel durante a manhã e o princípio da tarde, com chuva intensa e vento forte.

A derrocada ocorreu cerca das 14:00 (15:00 em Lisboa) na costa norte de S. Miguel, atingindo parcialmente uma casa situada junto à estrada regional na zona de Além Capelas, na freguesia de Santo António.

A existência de uma vítima mortal era dada quase como certa desde o início das operações de remoção dos escombros, já que a criança estava com a avó na altura do acidente e nunca mais foi vista.

Inicialmente, as operações centraram-se no primeiro andar da habitação, a parte mais afectada pela derrocada de terras, mas voltaram-se depois para um pequeno anexo, onde o corpo acabou por ser encontrado.

Fonte: Dnoticias


Açores/Acidente: Nenhuma vítima encontrada no interior da casa, buscas prosseguem num anexo - Proteção Civil

As operações de remoção de escombros na casa que ficou parcialmente soterrada hoje em Ponta Delgada, Açores, na sequência de uma derrocada foram alargadas a um pequeno anexo, onde as autoridades suspeitam que possa estar uma criança.

A informação foi revelada aos jornalistas no local por Pedro Azevedo, dos serviços municipais de Proteção Civil.

As operações de remoção dos escombros já permitiram concluir que não existiam vítimas no interior da casa, nomeadamente no primeiro andar, que foi o mais afetado pela derrocada.

Fonte: Sic Noticias


Uma criança soterrada numa derrocada nos Açores

 (Em atualização) Uma derrocada na estrada em Santo António, no concelho de Ponta Delgada, em S. Miguel, Açores, soterrou e destruiu parcialmente uma habitação. Debaixo dos escombros poderá estar uma criança de dois a três anos, não havendo indicações sobre o seu estado.

Uma criança soterrada numa derrocada nos Açores


De acordo com o jornal "Açoriano Oriental", a criança, com cerca de dois a três anos, poderá estar no interior de um anexo da habitação que ficou soterrada, situada junto à estrada regional na costa norte de S. Miguel. Apesar de ter sido já apontada a sua morte, não há ainda qualquer indicação sobre o seu estado de saúde.

As operações de remoção de escombros na casa que ficou parcialmente soterrada foram, entretanto, alargadas a um pequeno anexo, onde as autoridades suspeitam que possa estar a criança.

A informação foi revelada aos jornalistas no local por Pedro Azevedo, dos serviços municipais de Proteção Civil.
As operações de remoção dos escombros já permitiram concluir que não existiam vítimas no interior da casa, nomeadamente no primeiro andar, que foi o mais afetado pela derrocada.

As autoridades estão agora a remover os escombros junto a um anexo situado nas traseiras da casa, onde se suspeita que poderia estar a brincar a criança no momento do acidente.
O comandante dos Bombeiros de Ponta Delgada, Emanuel Sousa, citado pela Agência Lusa explicou que o acidente ocorreu cerca das 14 horas (15 horas em Portugal continental), na sequência do mau tempo que tem afetado a ilha de S. Miguel nas últimas horas, caracterizado principalmente por chuva intensa e vento forte.

"No local estão 10 bombeiros e três viaturas", acrescentou o comandante dos Voluntários de Ponta Delgada.
 Fonte: JN


Uma criança com cerca de dois anos pode ter ficado soterrada, esta quinta-feira, na sequência de uma derrocada no concelho de Ponta Delgada, em S. Miguel, nos Açores, que destruiu parcialmente uma casa na zona de Santo António.

Os bombeiros encontram-se no local a retirar os escombros, que destruíram o primeiro andar da casa, mas não foi descoberta nenhuma vítima. No entanto, a criança pode encontrar-se num anexo também afectado pelo incidente.

De acordo com informações do jornal 'Açoriano Oriental', a derrocada terá provocado o desabamento do telhado na divisão onde se calcula que a criança esteja.

A casa, com dois pisos, está situada junto à estrada regional na costa norte de S. Miguel, tendo sido atingida por uma derrocada de terras cerca das 14h00 (15h00 em Lisboa).

A derrocada terá sido provocada pelo mau tempo que tem afectado a ilha nas últimas horas, caracterizado principalmente por chuva intensa e vento forte.
No local estão 10 bombeiros e três viaturas", disse o comandante dos voluntários de Ponta Delgada, Emanuel Sousa, citado pela agência Lusa.
Fonte: CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:26


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031




Tags

mais tags