Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Segunda-feira, 13.02.12

Bombeiros de Ílhavo: Câmaras captam indivíduo a atear fogo a ambulância

Ocorrências do género têm-se repetido nos últimos tempos e os Bombeiros dizem-se “inseguros e impotentes”
Uma das ambulâncias que integra a frota da corporação dos Bombeiros Voluntários de Ílhavo (BVI) foi, na madrugada de anteontem, alvo de fogo posto, que só não atingiu grandes proporções graças à intervenção imediata daqueles profissionais.

Registadas pelas câmaras de vigilância do quartel, as imagens deste acto de vandalismo, ocorrido pelas 4.20 horas, no parque junto à Casa Mortuária, não permitem aferir se se trata de um ou dois indivíduos envolvidos. “É possível ver-se um indivíduo a atirar uma espécie de ‘cocktail molotov’ para o interior da viatura”, relata Hélder Bartolomeu, presidente da Associação Humanitária dos BVI, explicando que os bombeiros foram avisados do sucedido por um padeiro, que por ali passou minutos depois.

 “Se assim não fosse, a ambulância tinha explodido, porque o fogo já tinha começado a atingir a garrafa de oxigénio; nem queremos imaginar o cenário que poderia ter ocorrido”, conta o dirigente, acrescentando que, momentos antes, havia chegado ao quartel uma ambulância que regressava de um serviço.

“Os sujeitos que fizeram isto estavam, com certeza, a estudar a situação, de forma a saberem qual o melhor momento para actuar”, considera, dando conta da impossibilidade física de ter todas as ambulâncias fechadas.


fonte: Diário de Aveiro

Cocktail molotov contra ambulância

Estroncaram a porta de uma ambulância dos Bombeiros Voluntários de Ílhavo, estacionada nas imediações do quartel, e atiraram para o interior um ‘cocktail molotov’. As câmaras de videovigilância captaram o acto de vandalismo perpetrado por dois homens e que destruiu, por completo, o interior do veículo, na madrugada de sexta-feira. O fogo só não foi maior porque um automobilista deu o alerta.
"Se não passasse um padeiro aquilo tinha explodido, porque as chamas já estavam a chegar à garrafa de oxigénio. Poderia ter sido uma tragédia", disse Hélder Bartolomeu, presidente da Associação Humanitária de Bombeiros de Ílhavo, que estima os prejuízos globais em cerca de 100 mil euros.
Este não é o primeiro acto de vandalismo às ambulâncias dos bombeiros daquela corporação, que tem de estacionar os veículos nas imediações, porque não têm espaço no interior do quartel. "Em Janeiro de 2009 já nos riscaram um carro e já tinham lançado um frasco com álcool a arder para o interior de outro", referiu o presidente. Também no ano passado várias fardas de combate a incêndio foram totalmente cortadas. "Alguém entrou nos balneários e destruiu tudo. Já há dois meses outro carro avariou porque alguém colocou pacotes de açúcar dentro do depósito da gasolina", acrescentou.
A ambulância vandalizada já foi para a oficina para reparação, mas não há data prevista para que esteja operacional.


por Nelson Rodrigues
fonte: CM
fotos: DR

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 11:36


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829




Tags

mais tags