Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Sexta-feira, 13.04.12

Bombeiros Alertam Que Matosinhos é o Mais "Perigoso" do Norte

Matosinhos é o concelho "com o maior grau de perigosidade" da região Norte, alerta a Federação dos Bombeiros do Distrito do Porto, perante a ameaça da Edilidade de "cortar as comparticipações financeiras à prevenção, segurança e socorro".

Pouco mais de duas horas depois de o Porto de Leixões ter sido palco de um grave incêndio, a Federação dos Bombeiros do Distrito do Porto (FBDP) divulgou um comunicado intitulado “Matosinhos poder ser um concelho inseguro”.

O documento informa que os quatro corpos de bombeiros do concelho de Matosinhos e a FBDP se reuniram ontem para “em conjunto analisar a situação muito crítica e de consequências imprevisíveis que a ameaça que a Câmara faz de cortar as comparticipações financeiras à prevenção, segurança e socorro vai provocar”.

A FBDP garante quem, segundo uma directiva europeia (Seveso II), “Matosinhos é a autarquia do Norte do País com o maior grau de perigosidade”.

E avança com alguns exemplos: “Dezenas de instalações de armazenamento de combustíveis, das quais destacamos a Refinaria da Petrogal e dezenas de quilómetros de ‘pipelines’; Porto de Leixões com um tráfego de mercadorias de milhões de toneladas ano, não esquecendo do complexo de silos aí localizado; superfícies comerciais das quais destacamos o Ikea, equipamentos que trazem ao concelho centenas de milhar de pessoas oriundas de toda a zona Norte e zona da Galiza; toda a sua área geográfica fica dentro da zona crítica envolvente ao aeroporto do Sá Carneiro; e a malha urbana que alberga 180 mil habitantes e em cuja parte histórica se situam centenas de restaurantes com um funcionamento efectivo de 365 dias por ano”.

Situações que “preocupam” a FBDP, que as quer discutir com a autarquia, numa reunião “pedida para o efeito e que reputamos da máxima urgência e importância”.

“Não duvidamos que desta reunião sairá a certeza que as populações poderão continuar a dormir descansadas e os milhares de pessoas que todos os dias rumam a Matosinhos para trabalharem ou por qualquer outra razão, o poderão continuar a fazer com tranquilidade e segurança”, enfatiza a mesma fonte, rematando o comunicado com uma ameaça: “Não nos passa pela cabeça termos que publicamente de desresponsabilizar-nos pela prevenção, segurança e socorro desta terra e destas gentes.”

Fonte: Jornal de Negócios

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:23



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930




Tags

mais tags