Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Quarta-feira, 01.02.12

Vaga de frio estende-se pela Europa e já causou pelo menos 89 mortos

A vaga de frio nos últimos dias atingiu o Leste da Europa alastrou a outras regiões e chegou à Itália ou à Turquia. Pelo menos 89 pessoas morreram, grande parte na Ucrânia e na Polónia.

As escolas encerraram na capital da Ucrânia, Kiev, devido ao mau tempo. Os números oficiais confirmam 43 mortos nesta semana, 13 dos quais na última terça-feira. Muitos dos corpos foram descobertos na rua e mais de 700 pessoas tiveram de ser hospitalizadas depois de terem sofrido hipotermia ou outros problemas de saúde. As temperaturas desceram abaixo dos 23 graus Celsius negativos em grande parte do país, 30 graus negativos em algumas regiões.

As autoridades ucranianas decidiram encerrar 3200 escolas em 16 regiões e instalaram 1700 postos de socorro. A situação é semelhante na vizinha Polónia, onde as temperaturas também desceram abaixo dos 30 graus negativos em algumas regiões. Quatro homens entre os 29 e os 61 anos foram encontrados mortos, bem como uma mulher de 83 anos, segundo a polícia. Outras 27 pessoas foram vítimas de intoxicação causada por problemas no sistema de aquecimento e duas delas acabaram por morrer. Ao todo, desde sexta-feira, vinte pessoas morreram na Polónia por causas relacionadas com o frio.

As baixas temperaturas estão agora a afectar também alguns países do Sul da Europa. No Norte da Grécia os termómetros chegaram a registar os 16 graus negativos e algumas escolas fecharam. E no centro de Itália os camiões mais pesados foram impedidos de circular nas auto-estradas e houve jogos de futebol cancelados por causa das condições meteorológicas.

Na Alemanha o mau tempo causou a morte de duas mulheres e na Turquia três membros da tripulação de um navio que afundou devido à tempestade no Mar Negro foram salvos pela guarda costeira junto ao porto de Eregli, mas outras oito pessoas continuam desaparecidas, adiantou a BBC. A bordo do navio de carga Vera seguiam 10 ucranianos e um georgiano, com um carregamento proveniente de Rostov, na Rússia, com destino a Izmir, na Turquia.

Várias cidades búlgaras registaram também temperaturas muito baixas (29 graus negativos em Kneja, 31 negativos em Sevlievo), e pelos menos dez pessoas morreram. O alerta laranja mantém-se em vigor em boa parte do país.

Na República Checa um sem-abrigo de 47 anos foi encontrado morto em Karvina, na parte oriental do país, na Eslováquia o frio já fez duas vítimas e na Letónia, onde as temperaturas atingiram 27 graus negativos, o frio causou 10 mortos durante o mês de Janeiro. Na Roménia morreram 14 pessoas desde quinta-feira, entre elas um bebé. 

A chegada da vaga de frio à Europa ocidental levou as autoridades de várias cidades, como Bruxelas, Paris e Berlim, a pôr em prática medidas para albergar os sem-abrigo.

Fonte: Público

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 20:23


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829




Tags

mais tags