Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Sábado, 02.02.13

Mãe de jovem de 13 anos que teve AVC acusa INEM de chegar tarde

Os familiares de um jovem de 13 anos, que após AVC ficou com graves sequelas, acusam o INEM de ter chegado muito tarde para prestar socorro. A mãe justifica a acusação com base em testemunhos recolhidos na escola onde o filho teve o AVC. O INEM contesta e afirma que chegou rapidamente.

João Pedro de 13 anos sofreu uma paragem cardio-respiratória seguida de acidente vascular cerebral. O jovem caiu para o lado quando estava na aula de Educação Física, numa escola de Faro, a 13 de Dezembro. Foi de imediato assistido pelo professor que lhe fez o suporte básico de vida enquanto outros funcionários telefonavam para o 112. A mãe, Olga, diz que o INEM chegou muito tarde.

Já apresentou queixa no Ministério Público, pois tem testemunhas na escola do filho que atestam que o INEM demorou 30 minutos a chegar, e confia também na palavra dos médicos.

João Pedro aguarda pela consulta que o levará aos tratamentos no centro de reabilitação. Contactado pela TVI o departamento de comunicação do INEM diz que os meios foram acionados imediatamente após a primeira chamada e que em apenas 8 minutos chegaram junto da vítima.
 
 
por TVI

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Diário de um Bombeiro às 10:49



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728




Tags

mais tags