Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Quinta-feira, 02.08.12

Incêndios: Miguel Macedo explica dispositivo de combate

O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, vai ser esta terça-feira ouvido no parlamento para explicar o dispositivo de combate aos incêndios florestais, tendo em conta os problemas verificados nos incêndios que deflagraram em Tavira e na Madeira.


A audição de Miguel Macedo na comissão parlamentar de Agricultura e Mar surge na sequência de um requerimento apresentado pelo grupo parlamentar do PCP.

No requerimento, o PCP justifica a audição com o objectivo "de se fazer um balanço rigoroso de problemas já verificados", nomeadamente no Algarve e na Madeira, e "das condições do dispositivo sob a tutela da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC).

Segundo dados do Sistema Europeu de Informação de Fogo Florestal, os incêndios no Algarve consumiram entre 18 e 22 de Julho 26.839 hectares, enquanto na Região Autónoma da Madeira a área ardida situou-se nos 5.339 hectares entre 19 e 24 de Julho.

O Ministério da Administração Interna já pediu à ANPC um relatório pormenorizado sobre os incêndios que lavraram na região do Algarve, entre outras matérias, e que se faça uma análise "dos meios humanos e materiais envolvidos, bem como das fases de empenhamento dos mesmos, do grau de desempenho dos meios empregues durante as várias fases, e ainda de eventuais dificuldades ou falhas na coordenação e avaliação dos meios envolvidos na operação, a cada momento".

O pedido de um relatório sobre o que aconteceu nos incêndios na região do Algarve, que deverá estar concluído até 10 de agosto, surge depois de várias críticas feitas à forma como os meios de combate actuaram.

O comandante nacional da Protecção Civil, Vítor Vaz Pinto, admitiu mesmo que se cometeram erros.

O relatório provisório de incêndios florestais da Autoridade Florestal Nacional (AFN) indica que, entre 1 de Janeiro e 15 de Julho, se registou um total de 11.966 ocorrências de fogo, que resultaram em 36.946 hectares de área ardida.

Segundo os dados provisórios, o número de ocorrências de fogo, até 15 de Julho, superou os valores de nove dos últimos dez anos (com excepção de 2005). Relativamente à área ardida, apenas 2004 e 2005 registam valores superiores aos registados este ano, para o mesmo período.

Em comparação com o mesmo período de 2011, a área ardida aumentou 78 por cento e o número de incêndios registou uma subida de cerca de 40 por cento este ano.

Fonte: CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Diário de um Bombeiro às 12:09



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031




Tags

mais tags