Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Sexta-feira, 22.03.13

Bombeiros de Viana com «prenda» de 225 mil euros

Os Bombeiros Municipais de Viana do Castelo, a terceira mais antiga corporação nacional, receberam esta sexta-feira, como «prenda» pelos 233 anos de existência, uma nova viatura de combate a incêndios que custou 225 mil euros.

Esta nova viatura de combate a incêndios urbanos e industriais tem capacidade para transportar 3.000 litros de água e equipamento de salvamento diverso, de intervenção em riscos elétricos e estancamento de fugas de gás.

Pode ainda detetar a presença de gases e possui material de corte de betão, ferro, aço e madeira, assegurar operações de resgate e salvamento de forma «mais célere».

«É uma prenda de aniversário para uma corporação muito bem formada e com bons equipamentos, que apesar da sua longevidade demonstra muita vitalidade», explicou José Maria Costa, presidente da Câmara de Viana do Castelo, entidade que tutela aquele corpo profissional.

Resultou de uma candidatura a fundos comunitários, apresentada pela Federação Distrital de Bombeiros de Viana do Castelo, no valor global de 934 mil euros para aquisição de viaturas para sete corporações do Alto Minho, comparticipada em 85% pelo Programa Operacional do Norte.

Durante a cerimónia de aniversário da corporação, José Maria Costa revelou que o município investiu, em 2012, mais de 1,4 milhões de euros em proteção civil, tendo em conta as áreas de atuação daqueles bombeiros, como incêndios florestais, urbanos ou industriais, acidentes rodoviários ou marítimos e outras ocorrências.

Os Bombeiros Municipais de Viana do Castelo foram fundados a 22 de março de 1780 com a designação de Companhia da Bomba, sendo atualmente o terceiro mais antigo de Portugal, logo a seguir aos Sapadores de Lisboa e Porto.

Contam com uma estrutura profissional - a única do género no distrito de Viana do Castelo - de 44 operacionais, reforçada no final de 2012 com mais 15 elementos, precisamente os que terminaram o processo de formação que arrancou há um ano.

Entre estes está a primeira mulher em 233 anos daquele corpo de bombeiros.

«É também um sinal dos tempos. Espero que possa ser um estímulo para outras mulheres seguirem o exemplo», rematou José Maria Costa.
por TVI24

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 18:27


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31




Tags

mais tags