Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Quinta-feira, 28.02.13

Protecção Civil Municipal – prevenção de riscos e atenuação dos efeitos da queda neve

BRAGANÇA – A fim de ser dada informação aos Munícipes, encarrega-me o Ex.mo Sr. Vice-Presidente da Câmara Municipal de Bragança de veicular os seguintes dados:

1.Na sequência da queda de neve, que se verificou a partir das 2:30 horas, o Serviço Municipal de Proteção Civil delineou previamente um plano de operações com vista a minimizar os constrangimentos daí resultantes, de modo a permitir a circulação de pessoas e viaturas, com a segurança possível, dadas as condições climatéricas.
 
2.A operação de intervenção teve início hoje, a partir das 6:00 horas, com a afetação dos seguintes recursos:
  • 2 limpa neves;
  • 8 carrinhas;
  • 3 tractores;
  • 50 pessoas;
3.Ponto da situação: as principais artérias (ruas e passeios) da cidade, englobando o Centro Histórico e todos os locais críticos, foram já intervencionados, num total de 40 km.
Até ao final do dia espera-se reunir melhores condições de circulação para os Munícipes.
 
4.Relativamente ao meio rural os meios já estão no terreno.
 
5.O Serviço de Proteção Civil Municipal está, ainda, a trabalhar em estreita colaboração com a Corporação dos Bombeiros Voluntários de Bragança, no sentido de garantir que as IPSS do Concelho prestem apoio domiciliário ao nível das refeições.
 
6.Devido à continuação de queda de neve, não estão ainda reunidas condições para a circulação de transportes públicos de passageiros, na Cidade e na área rural.
 
7.À semelhança de intervenções efetuadas em situações similares, a Protecção Civil Municipal tem utilizado todos os meios humanos e materiais de que dispõe, com a colaboração dos Bombeiros, PSP, GNR, CDOS e Cespa no sentido de, com a maior rapidez, proporcionar a melhor circulação possível de pessoas e viaturas, com segurança, quer na cidade quer no meio rural.
 
8.Por último, considerando que não é possível garantir a resolução imediata das dificuldades originadas pelas condições atmosféricas adversas e atendendo à elevada extensão da cidade, é oportuno salientar e agradecer a colaboração dos cidadãos, no cumprimento das regras mínimas e orientações gerais e específicas de proteção civil.
 
9. A proteção civil é obrigação de todos os cidadãos. Neste sentido apela-se à contribuição de cada pessoa na limpeza e desobstrução dos acessos às habitações e comércios.
 
 
por local.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 18:56


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728




Tags

mais tags