Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Quarta-feira, 03.10.12

Comando falhou e faltaram meios

Relatório: Fogo de Julho em Tavira e São Brás de Alportel 

Falhas no comando e falta de meios. Estas são as duas principais conclusões do relatório sobre o incêndio que, em Julho, consumiu 24 mil hectares da serra do Caldeirão, nos concelhos de São Brás de Alportel e Tavira. O documento, encomendado pelo Ministério da Administração Interna (MAI) ao investigador Domingos Xavier Viegas, aponta ainda a falta de aceiros e avarias nos aviões como causas para a dimensão que o incêndio tomou.

Ao nível do comando, Domingos Xavier Viegas identificou falhas na "percepção da localização do fogo e na previsão da evolução das chamas". Problemas que, a juntar à falta de meios, tanto humanos, como viaturas, e à ocorrência simultânea de vários focos de incêndio, contribuíram para o alastramento das chamas.

Contactado ontem pelo CM, o MAI escusou-se a fazer qualquer comentário ao documento, explicando que o ministro, Miguel Macedo, por dificuldades de agenda, só ontem à noite iria ler o relatório. Da mesma forma, o MAI ainda não tornou público o relatório, que o ministro deverá enviar à Assembleia da República ainda esta semana. Só depois destes procedimentos, ficará definido se haverá alterações na estrutura da Protecção Civil. 
 
 
por João Mira Godinho com M.C.
fonte: CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 09:50


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2012

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031




Tags

mais tags