Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Sábado, 07.05.11

Posto de Prevenção Construído no Uíge

Lançamento da 1ª Pedra
A província do Uíge vai contar, dentro de oito meses, com um destacamento de socorro e de prevenção contra a sinistralidade rodoviária, para dar resposta à prevenção e segurança nas estradas da região. A primeira pedra para a construção da estrutura foi colocada na quinta-feira, na comuna de Vista Alegre, município de Dange-Quitexe, pelo vice-ministro do Interior para a Protecção Civil e Bombeiros, Eugénio Laborinho.
Os destacamentos têm a missão de regularizar a circulação rodoviária e evitar que mais pessoas morram por falta de primeiros socorros após um acidente. A estrutura do Uíge é a quarta no país, depois das localidades de Lussusso (Kwanza-Sul), Canjala (Benguela) e Morro do Binda (Kwanza-Norte).
O vice-ministro do Interior afirmou que o elevado número de mortes nas estradas preocupa o Chefe do Executivo, que orientou a criação dos destacamentos de socorro e prevenção rodoviária em vários pontos do país.
Eugénio Laborinho acredita que a instalação dos destacamentos vai contribuir para a redução do número de acidentes nas estradas inter-provinciais, garantindo a intervenção imediata das forças policiais nos locais de maior incidência de acidentes, além de socorrer em tempo oportuno os feridos.
O responsável pediu maior fiscalização do governo provincial do Uíge às escolas de condução. Esta medida, segundo o vice-ministro, constitui, também, uma forma de evitar os acidentes rodoviários. “A sinistralidade rodoviária e as suas consequências são uma calamidade que devasta o país, daí a maior preocupação do Ministério do Interior em alcançar a paz nas estradas”, declarou.
A vice-governadora provincial para o Sector Político e Social, Maria Fernanda da Silva e Silva, presenciou o acto de colocação da primeira pedra para a construção do futuro destacamento e valorizou a medida, tendo em conta os seus efeitos.
O director nacional adjunto para a Protecção Civil e Bombeiros, Bênção Tadeu, disse que a unidade vai ser constituída pela Polícia de Ordem Pública, de regularização de trânsito, bombeiros, Instituto Nacional de Emergências Médicas e outros serviços ligados ao pronto-socorro.
A ngola está entre os países com a mais alta taxa de sinistralidade rodoviária, situação que está dentro das preocupações das autoridades policiais.
 Para inverter o quadro negro, a Polícia tem estado a criar condições ligadas à prevenção da sinistralidade rodoviária, montando postos policiais nas principais estradas nacionais. 


por António Capitão
fonte: Jornal de Angola

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:36


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2011

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031




Tags

mais tags