Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Quinta-feira, 25.11.10

Madeira: Exercicio Testa Respostas

O secretário regional dos Assuntos Sociais garantiu, ontem, que o Governo Regional «nunca descurará a vertente da protecção civil», sendo que, apesar das restrições financeiras do Orçamento Regional do próximo ano, o Executivo vai manter verbas para exercícios com vista a preparar a resposta em caso da ocorrência de incidentes de diversas naturezas.



Francisco Jardim Ramos falava, na zona da Matur, onde acompanhou o Exercício Zarco10, uma iniciativa que junta os três ramos das Forças Armadas (FA), as Forças e Serviços de Segurança (FSS) e o Serviço Regional de Protecção Civil (SRPC). O exercício teve como objectivo treinar o planeamento operacional e a condução de operações conjuntas entre estas entidades, nomeadamente uma operação de socorro para fazer face a acidentes com matérias perigosas e com várias vítimas.

(...)

Para este efeito, foi montado na Matur um incidente em cuja resposta se combinaram todas as entidades presentes. Assim, o cenário consistiu na existência de uma conferência/ “cimeira” internacional em Santa Cruz, à semelhança da Cimeira da NATO. Dada a grande visibilidade do evento, além das FSS, as FA também foram chamadas para garantir a segurança. No entanto, no decorrer da “cimeira”, verificou-se uma explosão (na Matur), que causou vários feridos, havendo a suspeita de que foram usados agentes biológicos e químicos. Assim, aquele que era um evento de segurança transformou-se num evento de protecção civil, sendo necessária a intervenção do SRPC.

Em cena entraram os Bombeiros de Machico, coadjuvados pelos de Santa Cruz, a Cruz Vermelha Portuguesa, a EMIR entre outros, que prestaram apoio às vítimas e as transportaram para as unidades de saúde (tendas). Por seu turno, a PSP tomou conta da ocorrência, com a Equipa de Inactivação de Engenhos Explosivos. Por outro lado, meios de defesa anti-aérea “combatiam” uma “ameaça”, com recurso a um míssil “Stinger” (que obviamente não foi disparado).

A Zona Militar esteve toda empenhada no exercício com cerca de 600 homens. Além disso, de destacar a presença dos meios aéreos e da Marinha, a PSP e alguns corpos de bombeiros.

Fonte: Jornal da Madeira

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 08:09



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2010

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930




Tags

mais tags