Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Quarta-feira, 24.08.11

"Braga Continua a Brincar à Protecção Civil"

Autarcas da Coligação reiteram críticas à falta de investimento camarário:
“Braga continua a brincar à Protecção Civil”


Os Vereadores da Coligação “Juntos Por Braga” vêm expressar publicamente a sua apreensão com as condições de resposta dos Bombeiros Municipais aos múltiplos fogos florestais com que o Concelho de Braga se tem deparado no período estival, situação esta coroada com a repetida indisponibilidade de viaturas para o transporte dos próprios bombeiros.

Tal como foi veiculado em alguns órgãos de comunicação social e confirmado pelos Vereadores junto de elementos da Corporação, a situação em que os profissionais se viram forçados a socorrer-se de uma ambulância de transporte de doentes para se deslocarem para uma frente de combate a um fogo atesta das visíveis e recorrentes lacunas de meios dos Bombeiros Municipais, perante a passividade dos responsáveis políticos da Autarquia.

Neste particular, é inaceitável que tenha decorrido já bem mais de um ano desde que o Vereador da Protecção Civil assumiu o compromisso público de aquisição de novas viaturas ligeiras de combate a fogos sem que as mesmas aquisições tenham sido consumadas ou que as viaturas se encontrem ao serviço na fase mais delicada e exigente do ano.

Porventura, seguindo as declarações do Vereador Hugo Pires a propósito deste ultimo incidente – em que sustentava que as mesmas estavam já a ser “preparadas” – poder-se-á questionar se as mesma estarão agora a ser embrulhadas para presente… de Natal…

Aliás, só com alguma desfaçatez é que se pode ilustrar a preocupação da Autarquia com esta área com a tardiamente concretizada aquisição dos tão elementares quanto prioritários equipamentos de comunicações, como se os mesmos se tratassem de uma espécie de regalia ao serviço da sala de convívio dos Bombeiros Municipais.

Em paralelo, esta situação de recorrente indisponibilidade das viaturas ligeiras - que hoje se voltou a repetir – tem também na sua base a ausência de capacidade de resposta a estas situações, de forma ágil, pronta e eficaz, por parte da Autarquia Bracarense.

No entender destes Vereadores, mesmo descontando os factores contingentes associados a ocorrências inesperadas (como acidentes e circunstâncias afins), a Autarquia tem que reforçar a capacidade de resposta da reparação/manutenção das viaturas nestas épocas do ano e, até, salvaguardar-se com a possibilidade de recurso ao aluguer de viaturas análogas para situações excepcionais.

Perante estas e outras insuficiências de meios que se prolongam indefinidamente no tempo, cabe aos Vereadores da Coligação e a todos os cidadãos de Braga realçar a coragem e profissionalismo dos Bombeiros Municipais, numa palavra que deve ser estendida para o trabalho desenvolvido pelos Bombeiros Voluntários de Braga.

Confrontados com a ligeireza com que estas questões continuam a ser tratadas pela maioria socialista que preside aos destinos da Câmara de Braga, perguntam estes Vereadores: A segurança das pessoas e bens é ou não uma prioridade para a Câmara Municipal de Braga?

Finalmente, este conjunto de circunstâncias volta a reafirmar a importância de as questões ligadas à protecção civil se manterem entre as principais prioridades da acção municipal e dos diferentes órgãos do Município, servindo também para que a Bancada do PS e o Presidente da Assembleia Municipal de Braga, António Braga, possam pôr a mão na consciência e fazer o seu acto público de contrição pela vontade, concretizada, de silenciamento do debate sobre estas matérias.


Braga, 18 de Agosto de 2011
Os Vereadores da Coligação “Juntos Por Braga”

http://www.bracara2009.blogspot.com/

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 13:12


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  





Tags

mais tags