Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Domingo, 10.03.13

Tornado faz um ferido ligeiro e danos em 20 casas (Actualizado)

Um ferido ligeiro e danos em mais de 20 habitações foram os resultados de um tornado que atingiu sábado à noite o concelho da Póvoa do Varzim.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro do Porto, uma pessoa sofreu escoriações depois de ter sido atingido dentro de casa por destroços, resultado do vento forte, e foi transportado para o hospital.

As autoridades e socorro registaram ainda danos, sobretudo em telhados, em 15 casas da freguesia de A-Ver-o-Mar e em sete da freguesia de Amorim.

"Temos ainda o registo de danos em três carros e numa estufa", acrescentou a fonte.

No sábado foram registados dois fenómenos similares. Na Foz do Douro, um tornado arrastou uma embarcação. Mas a norte, em Caminha, foi detetada a formação de um tornado sobre o mar, que se deslocou para a Espanha, acabando por fazer estragos na região da Galiza.

Fonte: DN


Cerca de “100 pessoas foram afectadas" por um pequeno tornado que, sábado à noite, passou pelo município da Póvoa de Varzim, confirmou à Lusa o responsável da protecção civil local.

“Foram afectadas 15 habitações, que ficaram sem telhados e vidros, e ainda estufas numa área que ronda os quatro hectares”, explicou Aires Pereira, avançando que as freguesias mais afectadas com o vento forte foram “Aver-o-Mar, Amorim e Terroso”.

O alerta foi dado cerca das 23h15 e, ainda segundo o também vereador, foram encaminhados para o local cerca de 20 homens que, nesta altura, “procedem à reparação das habitações para que as pessoas não fiquem desalojadas”.

Foi sobretudo no Lugar do Couto, na freguesia de Aver-o-Mar, que o vento se fez sentir com maior intensidade, provocando mais estragos.

Sandra Faria, que na altura estava a adormecer os filhos, contou à Lusa que ouviu “um barulho ensurdecedor”, sentiu as “pernas a tremer” e ficou imobilizada até o vento passar.

Depois, percebeu que a casa onde reside com o marido e dois filhos "tinha ficado sem telhado”, relatou à Lusa.

Há ainda a registar um “ferido ligeiro” que na altura dos ventos fortes “estava na sala a ver televisão e foi arrastado para o exterior da casa”, contou Aires Pereira adiantando ainda que o homem foi transportado ao Hospital da Póvoa de Varzim apenas com “ferimentos ligeiros”, encontrando-se "livre de perigo".
 
A Câmara Municipal já disponibilizou meios e homens, mas o que preocupa a protecção civil são “as previsões meteorológicas que não são nada animadoras, porque prevêem vento forte e chuva até à próxima terça-feira”.
Por isso, a autarquia vai manter “todos os meios disponíveis ao serviço da população”, estando ainda a “fazer de tudo para que as pessoas hoje afectadas possam retomar às suas casas nas próximas horas”, disse ainda.


por Noticias ao Minuto

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Diário de um Bombeiro às 13:39


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31




Tags

mais tags