Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Segunda-feira, 10.01.11

Barcelos: ‘Gente Nova’ para Liderar Bombeiros com 128 anos

A posse dos novos órgãos sociais foi um dos momentos que ontem marcou o 128.º aniversário dos Bombeiros Voluntários de Barcelos (BVB).
Ao fim de dez anos na Direcção, Jorge Miranda cede lugar a Vítor Coutinho, na presidência da centenária instituição humanitária.

Jorge Miranda - que fica a presidir ao Conselho Fiscal - mereceu várias homenagens e a sua fotografia passa a figurar na galeria do salão nobre do quartel dos BVB.
O novo presidente da Direcção assumiu, no seu discurso de posse, que “a responsabilidade é grande”, não só por dirigir uma instituição com 128 anos de existência, mas sobretudo pelo trabalho que até agora foi feito ao nível do património, dos recursos humanos e dos serviços prestados.

Médico de profissão, Vítor Coutinho propõe, para o mandato que ontem iniciou - com a duração de um biénio - um projecto de continuidade, apesar da renovação de 80 por cento dos corpos sociais. “Trabalho, motivação e superação” são os compromissos da equipa liderada por Vítor Sousa, que defendeu uma revalorização do ser em detrimento do ter.

Lembrando o 11 de Setembro em Nova Iorque e o papel dos bombeiros na sequência dos ataques, o presidente da Direcção dos BVB afirmou como uma das prioridades “a definição do que são os heróis dos tempos modernos”.
“Temos o quartel, temos as viaturas, mas a organização vive do bem-estar das bombeiras e bombeiros” sublinhou o dirigente.

Neste contexto, um dos projectos passa pelo alargamento dos serviços aos elementos da corpo de bombeiros, através de cuidados médicos, de enfermagem e da criação de um Departamento de Psicologia.
Vítor Coutinho compromete-se também a articular com o Comando, para que Direcção e Comando falem a “uma só voz na defesa dos interesses dos BVB”.

O novo presidente não esqueceu os constrangimentos financeiros do país e apontou o caminho da racionalização de meios e recursos.“Não pode haver gastos supérfluos” avisou, propondo-se fazer o levantamento das necessidades do concelho e dos meios necessários e assumindo a aposta na manutenção da sustentabilidade económica da instituição.
“Temos que ser os gestores dos recursos humanos” referiu, realçando: “só está aqui quem quer estar por bem”.

A nova Direcção também irá estar atenta à manutenção das instalações, até porque o quartel tem já 28 anos.
A consolidação e divulgação do Museu - que classificou como espelho da memória afectiva que não pode desaparecer - é outra aposta assumida pelos corpos sociais que ontem foram empossados.

Restaurar dignidade de ser sócio e pagar

O novo presidente da Direcção dos Bombeiros Voluntários de Barcelos também apelou ao ‘coração’ dos sócios de que toda a instituição precisa.
Vítor Coutinho está empenhado em restaurar a dignidade e o orgulho de ser associado dos BVB, a par da dignidade no pagamento das quotas.
Um dos objectivos é aumentar o número de sócios, mas também actualizar a base de dados dos associados e o pagamento das quotas.
“As pessoas têm que sentir que ajudam a instituição” justificou Vítor Coutinho.

Nesta matéria, o novo presidente propõe ainda a criação de uma Bolsa de Intervenção Social. Já existem empresas amigas dos bombeiros, mas a ideia é articular com elas serviços.
Vítor Coutinho abriu também a porta à articulação com os Bombeiros Voluntários Barcelinhos e de Viatodos, mantendo cada uma a sua especificidade e a sua história.
 
in: Correio do Minho

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 09:32


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031




Tags

mais tags