Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

diariobombeiro



Sexta-feira, 28.12.12

Os Bombeiros E O Amianto - Comandante Luis Pimentel

É do conhecimento geral, que o amianto é um produto que pode provocar cancro através das suas partículas em suspensão, quando libertadas.
A construção civil em Portugal, - com maior incidência nas décadas de 70 e 80, - utilizou, usando e abusando nas grandes quantidades, amianto, por ser um mineral fibroso, resistente ao calor, muito flexível e com grande capacidade de isolamento.
Foi muito usado em telhas – o menos perigoso por ser misturado com cimento e haver menos probabilidade de desprendimento de partículas, - isolamentos de canalizações, chapas retangulares mais ou menos expeças e misturado em argamassas.
A União Europeia aprovou em 2005, legislação que proíbe o seu uso. Em Portugal, e mercê do reflexo dessa mesma legislação, foi aprovada a Lei nº 2/2011 de 9 de fevereiro que estabeleceu os procedimentos tendentes à remoção dos produtos com amianto nos edifícios existentes, no prazo de um ano a contar da publicação do atrás referido diploma.
Ora bem, todos nós sabemos como são estas coisas no nosso País, e, tanto quanto nos inteirámos, ainda nem o levantamento do número de edifícios afetados está feito.
Assim, podemos observar a celeridade e o que conta a saúde pública para as autoridades respetivas.
Nós bombeiros operacionais, corremos sérios riscos de contaminação em grande numero de intervenções em incêndios em estruturas, -urbanos e industriais-. Pelo que descrevemos, e, tendo em conta que a nossa interação com o referido produto é muito vulgar, importa termos em conta uma vigilância mais acautelada no que concerne á proteção individual, especialmente á proteção respiratória.
Sabemos quanto alguns dos nossos operacionais são avessos a essa mesma proteção, quanto facilitam e o resultado nefasto que isso pode implicar.
A exposição respiratória a este “assassino silencioso” pode no prazo de dez anos provocar cancro do pulmão e infelizmente todos sabemos a que isso nos conduz.
Estas simples letras não têm mais que alertar os nossos Bombeiros para este perigo, que não se vê não se sente não se palpa que nos pode causar grandes danos.
Contra isto só há um procedimento básico: proteção individual total. Nada de partes de corpo desprotegidas, uso obrigatório de ARICA, fato de proteção, capacete, cogula, luvas e botas.
Por favor: cuidem-se pela vossa saúde.
 
Comandante Luís Pimentel

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 19:59


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031




Tags

mais tags