Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

diariobombeiro



Terça-feira, 03.01.12

Bombeiros recusaram transportar centenas de doentes


As corporações de bombeiros de Sintra e Amadora recusaram hoje centenas de serviços de transporte de doentes não urgentes solicitados pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), dando inicio à suspensão deste serviço.
Em Dezembro, as direcções das nove corporações de Sintra e a da Amadora deliberaram «por unanimidade» suspender este serviço até que a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo «altere procedimentos» de pagamentos do novo Sistema de Gestão Transportes de Doentes.
Segundo adiantou hoje à agência Lusa o presidente da direcção da associação de bombeiros de Agualva-Cacém, Luís Silva, a corporação de Agualva-Cacém já rejeitou 64 pedidos da ARS LVT, a da Amadora 70, a de São Pedro de Sintra 31 e a de Algueirão-Mem Martins 58, dando inicio à suspensão deste serviço.
De acordo com Luís Silva, apesar de várias reuniões entre a Federação dos Bombeiros do Distrito de Lisboa e a tutela (Ministério da Saúde), ainda não houve desenvolvimentos e hoje mesmo haverá uma nova reunião.
O presidente da direcção de Agualva-Cacém adiantou que as nove corporações de Sintra e a da Amadora suspendem a partir de quarta-feira o serviço de transporte de doentes não urgentes da plataforma da ARS LVT, mas esse serviço poderá ser reatado «a qualquer momento desde que a tutela chegue a acordo com os bombeiros».
As corporações alegam que o novo Sistema de Gestão de Transportes de Doentes da ARSLVT, que instituiu novas regras no pagamento desses transportes, retirou aos bombeiros a sua «mais importante receita», uma vez que provocou quebras de 70 por cento de facturação, pondo em causa dezenas de postos de trabalho nestas corporações.
Criticam as alterações que contemplam o não pagamento «do retorno do doente transportado à unidade hospitalar» e o «mecanismo de pagamento do preço de quilómetro» dentro das localidades, sem qualquer diferenciação sobre o território em que actuam as corporações.
Contactado pela agência Lusa, o presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Duarte Caldeira, disse que na quinta-feira terá uma reunião com o Ministério da Saúde para avaliar a situação.

Fonte: Lusa/SOL

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 23:26

Terça-feira, 03.01.12

Primeira bombeira de Viana do Castelo


Pela primeira vez, em 271 anos de história, há uma mulher no corpo de Bombeiros Voluntários de Viana do castelo.
Tânia tem 19 anos e segue o caminho do pai e do tio. A jovem é a única mulher entre 14 homens na recruta.



Fonte: SIC

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 21:48

Terça-feira, 03.01.12

Operação 'Festas Seguras' com balanço "extremamente positivo"


A Direcção Nacional da PSP faz hoje um balanço “extremamente positivo” aos resultados da operação 'Festas Seguras 2011'.
No comunicado enviado às redacções verifica-se um decréscimo dos indicadores associados à sinistralidade rodoviária. “Em termos globais a PSP registou menos 6 vítimas mortais, menos 9 feridos graves e menos 150 feridos ligeiros, lê-se na nota. De referir ainda a ocorrência de menos 1.062 acidentes.
Durante os 25 dias da operação foram efectuadas 1.098 detenções, a maioria associadas à condução sob o efeito de álcool ou pela ausência de habilitação legal para conduzir
Fonte: dnoticias.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Diário de um Bombeiro às 21:42

Terça-feira, 03.01.12

Cadáver resgatado de uma falésia em Sagres


O cadáver de um homem de meia-idade foi hoje resgatado junto a uma falésia de difícil acesso, em Sagres, numa operação que demorou mais de uma hora, disse fonte da Capitania do Porto de Lagos.
O helicóptero da Força Aérea Portuguesa chegou ao local por volta das 14h00 e a operação de resgate prolongou-se por mais de uma hora «devido à zona de difícil acesso e ao estado alterado do mar», disse à Lusa o capitão Cruz Martins daquela capitania.
A falésia, situada a oeste da Fortaleza de Sagres, junto à praia do Tonel, tem um declive de cerca de 60 metros e os bombeiros de Vila do Bispo ainda tentaram, em vão, o resgate por terra.
Não se sabe quando ocorreu o óbito, uma vez que não há registo de alarme por queda de alguém à água nem de qualquer turista ou pescador lúdico desaparecido na zona nos últimos dias ou horas, indicou a mesma fonte.
A hipótese de o acidente ter ocorrido numa zona próxima e de o cadáver ter sido levado pela corrente até aquele local não é descartada pela polícia marítima, que vai proceder à abertura de um inquérito para apurar os factos.
Esta manhã, dois cadáveres foram detectados no mar em duas zonas distintas de Sagres mas fonte da Capitania do Porto de Lagos confirmou à Lusa que «não existe correlação entre os óbitos».
O primeiro incidente ocorreu cerca das 11h00 da manhã, quando uma turista alemã, de 36 anos, caiu ao mar numa zona de rocha baixa próximo da praia da Ingrina, na costa sul a leste de Sagres.
O alerta, dado pelo companheiro da vítima, fez mobilizar para o local a embarcação salva-vidas da Marinha estacionada em Sagres, que recolheu o corpo e o transportou para terra. O óbito foi confirmado pelo médico do INEM, entretanto chamado ao local.
Na operação de resgate estiveram envolvidos um helicóptero da Força Aérea, uma equipa de salvação em grande ângulo da corporação dos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo.


Fonte: Lusa/SOL

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 21:40

Terça-feira, 03.01.12

Tempestade no Reino Unido faz um morto


Uma violenta tempestade com chuva intensa e fortes rajadas de vento abateu-se esta terça-feira no Reino Unido, originando perturbações nos transportes, em particular na travessia do Canal da Mancha, e provocando pelo menos um morto.
Todas as partidas do porto de Douvres em direcção a Calais (França) foram suspensas durante algumas horas devido ao mar agitado, ventos fortes e fraca visibilidade. O porto acabou por ser reaberto durante a tarde.
As ligações entre a Inglaterra e a ilha de Wight (sul) também foram parcialmente suspensas.
Um homem de 50 anos foi esmagado por uma árvore que se abateu sobre o seu veículo em Kent (sudeste de Londres), enquanto no Surrey (sudeste), os bombeiros conseguiam retirar o condutor de um autocarro que ficou gravemente ferido após ser atingido por uma árvore derrubada pelos ventos fortes.
A Escócia foi particularmente atingida pela tempestade. No aeroporto de Glasgow, diversos vossos foram cancelados ou registaram atrasos. As rajadas de vento, que chegaram a atingir 160 quilómetros por hora, também afectaram a circulação dos comboios, enquanto 70 mil casas ficaram sem electricidade.
A Irlanda do Norte, País de Gales e o sudoeste da Inglaterra também não foram poupados ao vento, que arrancou árvores pela raiz ao longo das estradas, perturbando a circulação e forçando ao encerramento de diversos eixos rodoviários.

Fonte: JN

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 21:05

Terça-feira, 03.01.12

Prevenção Rodoviária relaciona diminuição da sinistralidade com a crise

José Miguel Trigoso defende a necessidade de medidas para reduzir acidentes nos centros urbanos.

A diminuição do número de mortos nas estradas em 2011 é uma tendência para a qual terá contribuído a poupança de combustível, admite o presidente da Prevenção Rodoviária Portuguesa (PRP).
“Parece haver, nomeadamente nas vias interurbanas, alguma redução da velocidade média praticada. Por exemplo, se formos numa auto-estrada e se, em vez de circularmos a 140 ou 150 passarmos a circular a 120 ou 110, as pessoas percebem que consomem em cada 100 quilómetros dois ou três litros a menos”, afirma José Miguel Trigoso, em declarações à Renascença.

O presidente da PRP defende a necessidade de medidas para reduzir a sinistralidade rodoviária nos centros urbanos.
“Nós estamos com cerca de 53% a 55% de vítimas mortais resultantes de acidentes verificados no interior das localidades e é isto que acho que é completamente inaceitável. Não há nenhum país da Europa Ocidental que tenha este tipo de estrutura de sinistralidade”, afirma José Miguel Trigoso.
Na opinião do presidente da Associação de Cidadãos Auto-Mobilizados (ACA-M), a diminuição dos números da sinistralidade nas estradas é um dos efeitos perversos da crise económica.
Manuel João Ramos sublinha que 2011 também regista uma acentuada diminuição do consumo de combustível o que pressupõe uma menor circulação automóvel.
Em entrevista à Renascença, Manuel João Ramos sustenta que a redução da sinistralidade não resulta de qualquer medida de prevenção rodoviária.
Pela primeira vez desde 1960, quando começaram a existir estatísticas deste género, o número de vítimas mortais nas estradas portuguesas ficou abaixo das 700, mais concretamente 690. Apesar de alguns períodos mais negativos ao longo do ano, 2011 registou resultados históricos na sinistralidade rodoviária.
Um resultado conseguido apesar das várias oscilações registadas ao longo do ano e que teve alguns picos negativos, como os três primeiros meses do ano e o mês de Outubro que, com 82 mortos, bateu vários recordes pelas piores razões.
No ano passado tinham morrido 690 pessoas nas estradas portuguesas.
Também no capítulo dos feridos graves, os números até 31 de Dezembro revelam o melhor resultado de sempre: cerca de 2.420 feridos  graves, menos 217 do que em 2010.
É preciso, no entanto, não esquecer que esta é a contabilidade tradicional, a que soma as vítimas registadas no dia dos acidentes e até à sua entrada nos hospitais.

Fonte: rr.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 15:24

Terça-feira, 03.01.12

Bombeiros de Ermesinde dizem que não têm dinheiro para certificar ambulâncias

Os bombeiros de Ermesinde dizem que não tem dinheiro para cumprir a obrigação legal de circular com ambulâncias certificadas. A certificação é feita pelo INEM, mas o preço, por cada ambulancia, é de 100 euros, mais o que custarem as eventuais alterações que são exigidas.

Fonte:RTP.PT

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 14:34

Terça-feira, 03.01.12

E A MORTANDADE CONTINUA


Menos acidentes do que no ano passado mas mais mortos

A Guarda Nacional Republicana registou sete mortos, 14 feridos graves e 154 feridos ligeiros até à meia-noite de domingo no âmbito da na Operação Ano Novo, revelam os dados provisórios da corporação.

De acordo com o mapa disponível, a sinistralidade durante as festividades do Ano Novo baixou, em termos homólogos, quase 39 por cento – de 805 acidentes para 496 acidentes –, mas os resultados são mais trágicos com o registo de sete mortos e 14 feridos graves, mais dois mortos e mais cinco feridos graves do que na operação entre 2010/2011.

O número de feridos ligeiros diminuiu 84 para um total de 154 pessoas, indicam os mesmos dados. A Operação Ano Novo prolonga-se até às 24 horas desta segunda-feira.

Entre o Natal e o Ano Novo, comparativamente ao período homólogo de 2010/2011 e ainda com dados provisórios, a Guarda Nacional Republicana registou 1281 acidentes (menos 430), 18 mortos (mais dois), 49 feridos graves (mais 23) e 388 feridos ligeiros (menos 109).

http://www.publico.pt/Sociedade/sete-mortos-e-14-feridos-graves-na-estrada-durante-o-ano-novo-1527206


(Uma Gentileza da (BT) Guarda Nacional Republicana)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 14:29

Terça-feira, 03.01.12

Proteção Civil entrega últimos veículos de bombeiros em Pombal

Os últimos quatro veículos do programa «Prevenção e Gestão de Riscos» foram entregues na sexta-feira, aos bombeiros de Borba, Moita, Barreiro e Olhão. No total foram entregues pela Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), 46 Veículos Florestais de Combate a Incêndios (VFCI), que foram concebidos pela empresa Tecopal, de Pombal, em parceria com a espanhola Iturri.
No momento da entrega daqueles veículos, que decorreu sexta-feira à tarde no centro municipal de exposições de Pombal (Expocentro), Carlos Carvalho, gerente da Tecopal, enalteceu as características dos mesmos para além de terem sido cumpridos «os prazos e equipamentos das exigências dos contratos do programa».


Baseado na sua experiência de cerca de quatro décadas de bombeiro e algumas das quais como comandante da corporação de Pombal, Carlos Carvalho referiu que os veículos «foram concebidos de forma a responder às exigências reais dos fogos florestais no país», estando «dotados não só de um eficiente e fiável sistema de combate a incêndios como também de um sistema de segurança para os seus tripulantes».
De acordo com aquele empresário, os 46 VFCI dispõem de um sistema de segurança «estático e dinâmico que contempla a pressurização da cabine e motor» o que permitirá uma «respiração autónoma da guarnição e a criação de uma cortina de água que envolve a viatura» entre outros aspetos. Condições que permitem que os bombeiros consigam retirar-se de uma situação de perigo em segurança.
Em jeito de conclusão, Carlos Carvalho refere que é uma viatura «simples, prática e operacional» que ostenta o nome de «uma marca robusta: a Mercedes».
Segundo o empresário, os 46 veículos foram distribuídos pela ANPC a corporações de todo o país, encontrando-se as de Ansião, Figueiró dos Vinhos, Ortigosa, Ourém, Sertã, Arganil, Góis, Pampilhosa da Serra, Mira, Brasfemes, Aveiro Novos, entre as contempladas.
Com aquele fornecimento, a Tecopal, sedeada na Zona Industrial de Pombal, com cerca de quatro dezenas de colaboradores, findou o ano de 2011 com o fabrico de 82 viaturas, sendo algumas específicas destinadas a Angola (Sonagol) e à Proteção Civil de Cabo Verde.
Por sua vez, a ANPC refere que os quatro veículos entregues na sexta-feira «são os últimos quatro de um total de 78 viaturas operacionais adquiridas para reforço dos corpos de bombeiros ao abrigo de uma candidatura ao Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN)».
No total, segundo a Autoridade Nacional da Proteção Civil, foram atribuídos 46 veículos florestais de combate a incêndios, 14 veículos urbanos de combate a incêndios, 17 veículos de socorro e assistência tática e um veículo de socorro e assistência especial.

Fonte: Orlando Cardoso | Diário de Leiria | Diário de Coimbra

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 13:27

Terça-feira, 03.01.12

“Os acidentes não se dão por decreto”

A Federação Distrital de Bragança do PS apela ao Governo para não acabar com o funcionamento nocturno do helicóptero no INEM estacionado em Macedo de Cavaleiros. 

“Um AVC ou um desastre de automóvel não se dá durante o dia por decreto. Ele também pode acontecer durante a noite. Daí nós acharmos que os helicópteros devem funcionar 24 horas por dia”, referiu o líder da distrital rosa, Mota Andrade. 

“Se o helicóptero está no Porto e o acidente é em Miranda ou Mogadouro, não é garantido que ele lá vá porque é um meio que demora mais tempo para lá chegar do que se estiver colocado em Macedo, que vai lá em 20 minutos e faz logo a estabilização do doente” acrescenta, salientando que “isso não se substitui com ambulâncias que se limitam a ‘carregar’ o doente e a transportá-lo para o hospital”. 

Nesta conferência de imprensa, o PS também criticou o valor das portagens que começaram a ser cobradas nas ex-SCUT. Por isso, apela também a uma revisão das taxas que poderão vir a ser cobradas na Auto-estrada Transmontana. “Pôr aqui portagens com valores idênticos às que agora foram portajadas, que são valores iguais ou superiores aos que se passam no litoral, é uma machadada que não podemos aceitar para o interior que tem problemas grandes de desertificação e um tecido económico extremamente débil”, refere. 

por Sandra Bento
em Jornal Nordeste

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 12:56

Terça-feira, 03.01.12

Los Angeles: alemão acusado de 55 incêndios

As autoridades americanas acusaram Harry Burkhart, um alemão de 24 anos, pela autoria de 55 incêndios provocados na cidade de Los Angeles desde a última quinta-feira.

Segundo o presidente da câmara local, Antonio Villaraigosa, o homem foi inicialmente acusado por um incêndio numa casa desabitada, mas a investigação já está reunir dados sobre as restantes incidências.

A detenção foi possível devida a imagens gravadas por uma câmara de segurança de um parque de estacionamento perto dos incêndios, em que aparece um homem com cerca de 30 anos, que deverá ser Burkhart.

As autoridades acreditam que o alemão é o responsável pelos incêndios, uma vez que não voltaram a acontecer desde que foi detido, embora mantenham prestos outros dois homens que tinham sido detidos na semana passada, segundo informa a CNN. «Acreditamos que seja obra de um só pirómano», esclareceu o chefe do Departamento de Polícia de Los Angeles, Charlie Beck.

A maioria dos incêndios dos últimos dias ocorreram em garagens de Hollywood e Hollywood Norte, mas no domingo também houve registos no Vale de São Fernando, Los Angeles e Hollywood Ocidental. Apenas um bombeiro ficou ferido com queimaduras leves, mas estima-se que os incêndios tenham provocado perdas de mais de dois milhões de dólares.

por TVI24

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:58

Terça-feira, 03.01.12

Governador empossa novo comando do Corpo de Bombeiros

Em solenidade realizada no Gabinete do Palácio Araguaia, o governador Siqueira Campos empossou o novo comando do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins. No posto de comandante assumiu o coronel Erli Lemes de Lima e como subcomandante o tenente coronel Dodsley Yuri Tenório.

O comandante-geral da Polícia Militar, Coronel Marielton Francisco dos Santos, prestigiou a ocasião que também contou com as presenças de diversos integrantes da corporação. O secretário-chefe da Casa Militar, Coronel Luiz Cláudio Benício, também prestigiou a posse.

Após a leitura do termo da posse, o governador Siqueira Campos fez um breve discurso no qual citou a importância do bombeiro no salvamento de vidas durante a queda das Torres Gêmeas (New York/EUA) em 11 de setembro de 2001. O governador pediu que o novo comandante trabalhe para resgatar o respeito do bombeiro com sua farda. “A corporação é o esteio da segurança da população e cada praça deve respeitar a farda que veste”, disse ele. O governador Siqueira Campos também reforçou a orientação para que os comandos do Corpo de Bombeiros, PM e Casa Militar trabalhem em parceria.

O governador também desejou um comando profícuo à altura dos anseios da população. O novo comandante ressaltou que irá respeitar o planejamento feito para o Corpo de Bombeiros e que irá trabalhar de acordo com as determinações do governador. “Nós vamos dar continuidade ao trabalho planejado respeitando as determinações do governador Siqueira Campos”, explicou o coronel.

Regiões Administrativas

Na ocasião o governador anunciou que já está pronto o Decreto que cria a comissão que estudará a estrutura das regiões administrativas de Araguaína, Gurupi e Porto Nacional. Segundo ele, a meta é fazer com que o Tocantins seja um Estado organizado, moderno e sem burocracia. “Quero melhorar a relação do Estado com a comunidade descomplicando e desburocratizando os serviços para que possam chegar ao povo no momento de maior necessidade”, ressaltou.

Segundo o governador a intenção é transformar essas cidades em verdadeiros pólos de serviços públicos. “Na saúde, por exemplo, iremos estruturar todo o sistema, todos os equipamentos de alta complexidade já foram conhecidos na minha viagem ao Japão”, completou.

por surgiu.com.br

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:55

Terça-feira, 03.01.12

Ocorrências a Registar

Los Angeles: Incendiário apanhado

Um homem com cerca de 30 anos foi ontem detido em Los Angeles por suspeita de envolvimento num surto de ataques incendiários contra automóveis e habitações. Desde quinta-feira ocorreram na cidade 55 ataques do género. 

Brasil: Desabamento fatal

Um edifício desabou em Belo Horizonte, Minas Gerais (Brasil), causando um morto e um ferido grave. O desabamento ocorreu devido às fortes chuvas que afectam a região. Nova Friburgo (Rio de Janeiro) está em estado de alerta máximo. 

Luanda: 12 mortos na estrada

Os acidentes de viação em Luanda no primeiro dia de 2012 causaram 12 mortos e 15 feridos. Angola apresenta a terceira maior taxa de sinistralidade rodoviária do Mundo, atrás da Serra Leoa e do Irão.


por CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:52

Terça-feira, 03.01.12

Sinistralidade: 7 mortos na Operação Ano Novo

Um total de sete mortos, dezoito feridos graves e 226 feridos ligeiros em 722 acidentes é o balanço da Operação Ano Novo feito pela GNR.

Na operação, que terminou na madrugada desta terça-feira, registaram-se menos 227 acidentes, mais um morto, dois feridos graves, mas menos 68 feridos ligeiros. 
 
No entanto, juntando os dados das operações de Natal e Ano Novo, e comparando os dados com as operações do ano passado, registaram-se 1507 acidentes (menos 348), 18 mortos (idêntico ao ano passado), 53 feridos graves (mais 20) e 460 feridos ligeiros (menos 93).


por CM/Lusa

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:48

Terça-feira, 03.01.12

Mau tempo: Sete distritos juntos à costa em alerta laranja

Sete distritos de Portugal continental estão esta terça-feira sob aviso laranja, devido à forte ondulação, que pode chegar aos 6,5 metros, segundo o Instituto de Meteorologia (IM).

O aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro, vai prolongar-se até às 06h00 de quarta-feira.

Segundo o IM, os outros distritos da costa continental portuguesa e a região da Madeira estão sob aviso amarelo, o segundo menos grave de uma escala de quatro, devido à ondulação que deve atingir os 4,5 metros.

O instituto prevê para esta terça-feira, no continente, céu pouco nublado, apresentando-se em geral muito nublado nas regiões a norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela e períodos de chuva fraca ou chuvisco no litoral a norte do cabo Mondego.

As temperaturas máximas previstas são de 19ºC em Faro e 14ºC em Lisboa e no Porto.

por CM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:43

Terça-feira, 03.01.12

Bombeiros Voluntários de Coimbra: Voluntários lutam para sair das piores instalações do país

A Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Coimbra (AHBVC) começa o ano com um apelo aos sócios e a toda a população da cidade: «sejam a nossa alma e a nossa força». 
 
A partir da próxima semana, e todas as terças-feiras, a Direcção estará na avenida Fernão de Magalhães, pelas 15h00, aos dispor de todos os que quiserem aparecer «com novos sócios, mas sobretudo com novas ideias: tragam a vossa força, o vosso entusiasmo». 
 
Pede a Direcção em comunicado, tendo por objectivo a constituição de um «forte núcleo de voluntários para trabalharmos em diversas áreas sem concorrermos ou conflituarmos com ninguém, apenas e exclusivamente a favor da AHBVC»

(Leia mais na edição impressa do Diário de Coimbra)


por DC

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:21

Terça-feira, 03.01.12

Incêndios no Chile deixam um morto e destroem 23 mil hectares

Nas cidades de Florida e Quillón, na região de Biobío, ao sul de Santiago, as chamas destruíram 10 mil hectares


Uma pessoa morreu e cerca de 23 mil hectares já foram destruídos em incêndios florestais no sil do Chile. Outro incêndio foi anunciado na região de Maule. Segundo as autoridades chilenas, a emergência foi provocada por uma onda de calor acompanhada de uma seca incomum.

Nas cidades de Florida e Quillón, na região de Biobío, ao sul de Santiago, as chamas destruíram 10 mil hectares. Uma pessoa ficou morta, segundo confirmou o presidente Sebastián Piñera, que divulgou informações oficiais da Oficina Nacional de Emergências nesta segunda-feira (2). 

A vítima é um idoso que se recusou a deixar o lugar e morreu queimado em casa. As chamas destruíram mais de 100 habitações. Cerca de 500 pessoas foram evacuadas da região, segundo o presidente.
Piñera declarou como zona de catástrofe nas cidades de Florida, Quillón, Ranquil e San Rosendo, todas na região de Biobío.

Fábrica de celulose é atingida por incêndios em Quillón, no sul do Chile
por Correio 24H

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:10

Terça-feira, 03.01.12

Novo incêndio florestal no Chile mata uma pessoa e queima 8.000 hectares

Um novo incêndio florestal no sul do Chile, desta vez na área de Quillón (500 km ao sul sul de Santiago), deixou um morto e destruiu 8.000 hectares, anunciou o Departamento Nacional de Emergências (Onemi).

“Lamentavelmente temos que informar que uma pessoa faleceu. Foi encontrada a dois quilômetros de Quillón”, disse o diretor do Onemi, Vicente Núñez.

As chamas se concentram na área de Pichiqueime, em Quillón, região de Biobío. Trinta casas foram atingidas e 500 moradores se viram obrigados a abandonar a região.

Um incêndio de cinco dias no parque nacional Torres del Paine, 3.000 quilômetros ao sul de Santiago, que devastou quase 13.000 hectares, foi estabilizado, segundo as autoridades.

por G1

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 10:02

Terça-feira, 03.01.12

A Força Especial de Bombeiros (Canarinhos) dispõe de área própria na página da ANPC


A Força Especial de Bombeiros Canarinhos é uma força especial de proteção civil, dotada de estrutura e comando próprio, organizada e inserida no dispositivo operacional da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), criada ao abrigo do disposto no artigo 19º do Decreto-Lei n.º 247/2007, de 27 de Junho, que aprovou o regime jurídico dos Corpos de Bombeiros.

ACEDE AQUI

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Diário de um Bombeiro às 09:34

Terça-feira, 03.01.12

Novos protestos dos sapadores "em cima da mesa"


Os sapadores bombeiros de Lisboa, que hoje cumprem mais um dia da greve convocada até dia 8, poderão decidir novos protestos caso a Câmara mantenha a intenção de criar um quinto turno de trabalho, admitiu fonte sindical.

Dirigente do Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboa (STML) António Pascoal referiu à Lusa que "está tudo em cima da mesa" sobre a eventualidade de novos protestos, uma decisão que "cabe aos trabalhadores".
No final da greve dos bombeiros sapadores, que tem registado, segundo o sindicato, adesões superiores a 95 por cento, "os trabalhadores vão decidir [se haverá novos protestos], caso a Câmara não arrepie caminho" na intenção de criar um quinto turno de trabalho. O responsável referiu no entanto que os trabalhadores têm "esperança que a Câmara recue nesta decisão".

António Pascoal falava à Lusa após uma reunião com a diretora de Recursos Humanos da Câmara Municipal de Lisboa (CML), que tutela o Regimento de Sapadores Bombeiros.
Os bombeiros afirmam que não existe capacidade de implementar este novo turno, como pretende a autarquia, sem a entrada de 266 novos efetivos nos próximos dois anos.
A medida, argumenta o sindicato, "põe em risco a segurança" dos próprios bombeiros, além da dos munícipes e da cidade.

Fonte: DN

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:41

Terça-feira, 03.01.12

Incêndio mata 185 leitões em Santarém

Um curto circuito terá estado na origem de um incêndio que provocou esta segunda-feira de manhã a morte a 185 leitões, num barracão de engorda, numa exploração agrícola em Santarém.
O alerta às autoridades foi dado pelas 8.35 horas, contudo quando os Bombeiros de Santarém e o veterinário municipal chegaram ao local, na Póvoa da Isenta, já as chamas tinham consumido aquelas instalações durante toda a madrugada.

Somente 35 leitões sobreviveram, tendo o incêndio ficado circunscrito àquele barracão da Agrolex, não se estenderam aos outros barracões.
Os materiais inflamáveis - como o esferovite - que cobriam a cobertura do local terão potenciado a rápida propagação.

Fonte: m-jn.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:39

Terça-feira, 03.01.12

Bombeiros revoltados com ministro

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Duarte Caldeira, considerou ontem ao CM serem "absolutamente inaceitáveis" as declarações do ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, que afirmou que algumas situações de corporações em dificuldade financeira "são casos de polícia e de tribunal".

"O ministro inverteu as coisas. Não é devido a casos de polícia que os bombeiros estão em dificuldades, mas sim porque os governos não viabilizaram um regime de financiamento adequado", afirmou, frisando que "os bombeiros são maioritariamente gente honesta" e que "as excepções devem ser punidas".
Duarte Caldeira não poupou críticas: "Ainda não vimos nada do Governo em relação aos bombeiros. Diz-se que deu 10 milhões de euros, mas só reembolsou despesas já feitas no combate a incêndios. E tirou a isenção de taxa moderadora nos hospitais." Os bombeiros temem que muitas corporações fechem devido a mudanças no transporte de doentes não urgentes, que reduziu a facturação em 70%.

Fonte: Correio da Manhã

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:38

Terça-feira, 03.01.12

Perde braço ao lançar foguetes

Um homem, de 60 anos, teve de amputar parte do braço esquerdo após ter sofrido ferimentos graves quando os foguetes que se preparava para lançar, para festejar o novo ano, lhe rebentaram nas mãos.
O acidente aconteceu anteontem, às 22h30, na freguesia de Lama, em Barcelos, e a vítima foi transportada para o Hospital de Braga onde ontem continuava internada.
Ao que o CM apurou, o homem festejava a Passagem de Ano na casa da família e decidiu fazer um pequeno espectáculo de pirotecnia na varanda da residência, para se despedir de 2011. Por motivos ainda por apurar, um dos foguetes acabou por rebentar quando se preparava para ser lançado e a vítima sofreu ferimentos muito graves no braço.

"O senhor deitava muito sangue, o braço estava em muito mau estado porque o foguete rebentou mesmo nas mãos. Tivemos de amputar parte do membro logo no local", explicou ao CM fonte dos bombeiros.
A vítima apresentava ainda várias queimaduras superficiais em algumas partes do corpo, principalmente no peito.
No local do acidente estiveram elementos dos Bombeiros de Barcelinhos e também a VMER de Braga.

Fonte: Correio da Manhã 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:36

Terça-feira, 03.01.12

Castro Marim: Colisão na Via do Infante faz dois feridos graves, recurso a helicóptero

Castro Marim, 02 jan (Lusa) - Uma colisão entre dois veículos ligeiros provocou hoje dois feridos graves, na Via do Infante (A22), em Castro Marim, estando um deles a ser colocado num helicóptero para ser transportado para o hospital, constatou a Agência Lusa no local.
Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro disse à Agência Lusa que foram enviados para o local duas ambulâncias do INEM e uma terceira dos Bombeiros Voluntários de Vila Real de Santo António, que também enviaram um carro de desencarceramento, além de elementos da Unidade de Trânsito da GNR, segundo a mesma fonte.
O helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) chegou ao local do acidente às 22:18 e as equipas de socorro estão a retirar os feridos, para serem transportados para o Hospital Distrital de Faro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:33

Terça-feira, 03.01.12

Carro em chamas em Rio Tinto

Esta segunda-feira, pelas 13.05 horas, um automóvel começou a arder na rua de Pedro Alvares Cabral, em Rio Tinto, Gondomar.
A corporação dos Bombeiros Voluntários da Areosa-Rio Tinto foi chamada ao local, tendo rapidamente chegado ao local com uma viatura.
O fogo não demorou a ficar controlado, nao houve feridos , mas valeu para o susto dos moradores e comerciantes dessa rua.

Fonte: JN

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:32

Terça-feira, 03.01.12

ACP disponibiliza informação para facilitar socorro a vítimas encarceradas


A ficha de segurança, que tem um formato standard e é fácil de interpretar por qualquer equipa de socorro, pode ser conseguida na Internet, em http://www.acp.pt/Ficha-de-seguranca, ou nas delegações do ACP.
Segundo o ACP, a ficha de segurança, que apresenta a marca, modelo e ano exato de fabrico do veículo, deve ser impressa em formato A4, dobrada em três e colocada na pala do automóvel no lado do condutor.

Fonte: noticias.sapo

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:28

Terça-feira, 03.01.12

ACP disponibiliza informação para facilitar socorro a vítimas encarceradas


A ficha de segurança, que tem um formato standard e é fácil de interpretar por qualquer equipa de socorro, pode ser conseguida na Internet, em http://www.acp.pt/Ficha-de-seguranca, ou nas delegações do ACP.
Segundo o ACP, a ficha de segurança, que apresenta a marca, modelo e ano exato de fabrico do veículo, deve ser impressa em formato A4, dobrada em três e colocada na pala do automóvel no lado do condutor.

Fonte: noticias.sapo

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diário de um Bombeiro às 01:28


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031




Tags

mais tags